Conteúdo playlearning™ com curadoria da equipe de educadores do Lingokids.

Inglês para crianças

Conteúdo playlearning™ com curadoria da equipe de educadores do Lingokids.

English for kids

LingoListen Storytime: Buckets – Podcast para Crianças

Você já teve um brinquedo que não funcionava direito? Encontrou uma maneira diferente de se divertir com esse brinquedo? Nosso novo episódio LingoListen Storytime: Buckets é sobre algo exatamente assim. Então fique à vontade com seus pequenos aprendizes e acompanhem esta historinha!

LingoListen Storytime: Buckets (Baldes)

Transcrição de LingoListen Buckets (Baldes) em inglês

Narrator: Have you ever had a toy that didn’t work quite right? Did you ever find a different way to play with that toy? Welcome to LingoListen. Storytime today is about something just like that, so get comfortable. Once upon a time, a long time ago in China, lived a woman named Chang-Chang. Chang-Chang means sing in Chinese, and she loved singing.

Chang-Chang: [sings].

Narrator: Chang-Chang lived in a house at the top of a mountain. It was a beautiful place to sing, but the mountaintop didn’t have any running water. So, every day Chang-Chang went down, down, down the mountain to the river, carrying two wooden buckets. [river sound] She dunked the buckets into the river to fill them up. [dunking sound] Then, she walked slowly back up the dirt path to the top of the mountain.

Chang-Chang: [sings] Up, up, up the mountainside, my buckets swinging at my side.

Narrator: One day, when she got to the top of the mountain, she saw that one bucket had a crack in it. A lot of water had leaked out. The bucket noticed it, too.

Leak-A-Lot: Oh no. For sure, she’s going to throw me away.

Chang-Chang: I don’t think so.

Narrator: Said the other bucket.

Chang-Chang: She’s too kind.

Narrator: Before bed that night, Chang-Chang tried to fix the cracked bucket with some clay.

Chang-Chang: [sings].

Narrator: The next morning, Chang-Chang went down to the river, as usual, to fill up the buckets. [dunking sound] Then, she headed back up.

Chang-Chang: [sings] Up, up, up the mountainside, my buckets swinging at my side.

Leak-A-Lot: Oh, no.

Narrator: Whispered the leaky bucket, because guess what? The bucket was leaking again.

Leak-A-Lot: I’m no good, and I feel like I’m crying. [cries]

Chang-Chang: Don’t worry.

Narrator: Said the other bucket.

Chang-Chang: Of course, you’re good.

Narrator: That night, Chang-Chang sat down next to the empty buckets, but she didn’t try to fix the bucket again. Instead [music], she and the buckets made music together. Then, she decided to name her buckets. She called them Leak-A-Lot, we know which one that was, and Bongo. The next morning, they went down the mountain as usual, even though Leak-A-Lot was, well, leaky. This went on for days and weeks and months, and maybe even years. One day, Leak-A-Lot felt he could cry no more tears. He was sick of leaking water out on the path. It was time to speak up.

Leak-A-Lot: Excuse me. Excuse me.

Narrator: Chang-Chang didn’t hear at first. Then, she looked around for a minute before she realized who was talking. She was so surprised she couldn’t find the right words.

Chang-Chang: [mumbles] What?

Leak-A-Lot: Yes, it’s me. I’m just no good. Bongo here gets to the top of the mountain every day completely full. And me, I’m always half-empty.

Chang-Chang: You mean half-full.

Narrator: Said Chang-Chang.

Leak-A-Lot: Well, I don’t know, but I’m useless.

Chang-Chang: Useless, you are not. Haven’t you seen the mountainside lately?

Leak-A-Lot: Oh no. I’m usually too busy crying. I don’t look around much.

Narrator: So, Chang-Chang asked the bucket to please do his job one more day, but this time take a good look at the path as they climbed back up the mountain. If Leak-A-Lot still felt that he was useless, well, then he didn’t have to come down to the river anymore. So, she dunked the buckets [dunking sound] and started up the mountain path.

Leak-A-Lot: Oh.

Narrator: That’s the sound Leak-A-Lot made, because, do you know what he saw? Next to the path were flowers of all colors and sizes and bees buzzing and butterflies fluttering. But on the other side of the path, closer to Bongo, it was brown with just a little bit of grass.

Chang-Chang: You see, Leak-A-Lot, long ago, I thought you were imperfect and I tried to fix that crack of yours.

Leak-A-Lot: Sorry.

Chang-Chang: No, no. Then, I realized that you are perfect in your own way for a different job, and I began throwing seeds along your side of the path so that you could water them on our way back up.

Narrator: That’s how Leak-A-Lot learned that Chang-Chang had been grateful all these years for his leak. Together, they had made a beautiful mountainside garden.

Leak-A-Lot: [sings].

Chang-Chang: Up, up, up the mountainside, my buckets swinging at my side.

Narrator: We hope you liked the story, Lingo listeners. Have you ever used an old toy for a new job? Think about it. Goodbye until next time.

 

Tradução de LingoListen – Buckets (Baldes) em português

Narrador: Você já teve um brinquedo que não funcionava direito? Encontrou uma maneira diferente de se divertir com esse brinquedo? Boas-vindas ao LingoListen. O Storytime de hoje é sobre algo exatamente assim, então fique à vontade. Era uma vez na China, há muito tempo atrás, uma mulher chamada Chang-Chang. Chang-Chang quer dizer cantar em chinês, e ela adorava cantar.

Chang-Chang: [cantando].

Narrador: Chang-Chang vivia numa casa no alto de uma montanha. Era um lugar lindo para se cantar, mas o topo da montanha não tinha água corrente. Então, todos os dias, Chang-Chang descia, descia e descia a montanha até o rio, carregando dois baldes de madeira. [som de rio] Ela mergulhava os baldes no rio para enchê-los. [som de mergulho] Depois, subia bem devagar pela trilha de terra de volta até o topo da montanha.

Chang-Chang: [cantando] Subindo, subindo, subindo a encosta da montanha, com meus baldes balançando a meu lado.

Narrador: Um dia, quando chegou ao topo da montanha, ela viu que um dos baldes tinha uma rachadura. Muita água havia vazado. O balde também percebeu.

Leak-A-LotOh, não. Com certeza ela vai me jogar fora.

Chang-Chang: Acho que não.

Narrador: Disse o outro balde.

Chang-Chang: Ele é muito bondoso.

Narrador: Naquela noite, antes de se deitar, Chang-Chang tentou consertar o balde rachado com um pouco de argila.

Chang-Chang: [cantando].

Narrador: Na manhã seguinte, Chang-Chang desceu até o rio, como sempre, para encher os baldes. [som de mergulho] Então, ela pegou o caminho de volta.

Chang-Chang: [cantando] Subindo, subindo, subindo a encosta da montanha, com meus baldes balançando a meu lado.

Leak-A-LotOh, não.

Narrador: Sussurrou o balde que vazava, pois adivinhem só? O balde estava vazando de novo.

Leak-A-LotNão estou bom, e é como se eu estivesse chorando. [chorando]

Chang-Chang: Não se preocupe.

Narrador: Disse o outro balde.

Chang-Chang: É claro que você está bom.

Narrador: Naquela noite, Chang-Chang sentou-se ao lado dos baldes vazios, mas não tentou consertar o balde novamente. Ao invés disso [música], ela e os baldes fizeram música juntos. Então, ela decidiu dar nomes aos baldes. Ela os chamou de Leak-A-Lot (sabemos qual) e Bongo. Na manhã seguinte, desceram a montanha como sempre, mesmo que Leak-A-Lot estivesse, bem… vazando. E assim continuaram por dias, semanas e meses, talvez até anos. Um dia, Leak-A-Lot sentiu que não aguentava mais chorar uma lágrima sequer. Ele estava cansado de vazar água na trilha. Era hora de se manifestar.

Leak-A-Lot: Com licença. Com licença.

Narrador: Chang-Chang não ouviu a princípio. Então, ela olhou ao redor por um minuto até perceber quem estava falando. Ficou tão surpresa que não conseguiu encontrar as palavras certas.

Chang-Chang:[balbuciando] O quê?

Leak-A-Lot: Sim, sou eu. Eu simplesmente não estou bom. O Bongo, aqui, chega ao topo da montanha completamente cheio todos os dias. E eu estou sempre meio vazio.

Chang-Chang: Você quer dizer meio cheio.

Narrador: Disse Chang-Chang.

Leak-A-Lot: Bem, não sei, mas sou inútil.

Chang-Chang: Inútil você não é. Você não viu a encosta da montanha ultimamente?

Leak-A-Lot: Oh, não. Geralmente estou ocupado demais chorando. Não olho muito ao redor.

Narrador: Então Chang-Chang pediu ao balde para, por favor, fazer seu trabalho por mais um dia, mas desta vez dando uma boa olhada na trilha enquanto subiam a montanha. Se Leak-A-Lot ainda se sentisse inútil… bem, então não precisaria descer até o rio novamente. Então ela mergulhou os baldes [som de mergulho] e tomou o caminho da montanha.

Leak-A-Lot: Oh.

Narrador: Foi esse o som que Leak-A-Lot fez, porque sabe o que ele viu? Ao lado da trilha havia flores de todas as cores e tamanhos, e abelhas zumbindo e borboletas batendo as asas. Mas o outro lado da trilha, mais perto de Bongo, estava marrom só com um pouquinho de grama.

Chang-Chang: Sabe, Leak-A-Lot, há muito tempo eu pensei que você fosse imperfeito e tentei consertar essa sua rachadura.

Leak-A-Lot: Desculpe.

Chang-Chang: Não, não. Então, eu percebi que você é perfeito à sua maneira para uma tarefa diferente, e comecei a jogar sementes do seu lado da trilha para que você pudesse aguá-las enquanto subíamos.

Narrador: Foi assim que Leak-A-Lot descobriu que Chang-Chang era grata durante todos aqueles anos por seu vazamento. Juntos, eles haviam feito um lindo jardim na encosta da montanha.

Leak-A-Lot:[cantando].

Chang-Chang: Subindo, subindo, subindo a encosta da montanha, com meus baldes balançando a meu lado.

Narrador: Esperamos que tenham gostado da história, Lingolisteners. Vocês já usaram um brinquedo velho para alguma tarefa nova? Pensem bem. Tchau, e até a próxima.

 

 

Não perca nenhum episódio de LingoListen!

Gostou desta história? Então baixe o app Lingokids para ter acesso a todos os nossos jogos e músicas sensacionais — e não se esqueça de nos seguir no Spotify também!

Share this on

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Não perca as Lingonotícias!

Somos sociais

© 2021 Lingokids